terça-feira, 18 de abril de 2017

Resenha: Diário de uma escrava

Leitura concluída!


Título: Diário de uma escrava
Autor: Rô Mierling
Editora: DarkSide Books
Páginas: 240
Ano: 2016



Sinopse:

No Brasil, todo ano, 250 mil pessoas desaparecem sem deixar vestígios. Desse total, 40 mil são menores de idade, dos quais um terço são meninas destinadas a fins sexuais. Muitas escapam ou são encontradas, contando histórias terríveis; outras nunca mais são vistas com vida. Laura foi raptada e jogada no fundo de um buraco por um completo desconhecido. Ela vê sua vida mudar, e passa a descrever com detalhes íntimos cada dia, cada ato, cada dor que o sequestro e o aprisionamento lhe fazem passar. Estevão é um homem casado e trabalhador, mas que guarda em seu íntimo uma personalidade psicopata. Ele percorre ruas e cidades se apossando da vida de meninas ainda muito jovens. Mergulhando fundo nessa fantasia, ele destrói vidas, famílias e sonhos, deixando atrás de si um rastro de dor e morte. Narrado em forma de diário, o livro acompanha os momentos mais cruciais da vida de Laura, período em que algo dentro dela também se modifica de uma forma inimaginável em busca da sobrevivência. Publicado originalmente na plataforma digital Wattpad, onde já teve mais de um milhão e meio de leituras, Diário de uma Escrava apresenta um retrato duro, cruel, abominável, mas infelizmente mais comum do que se imagina, no Brasil e em todo o mundo. A obra de Rô Mierling é, acima de tudo, um alerta para todas as mulheres. Através dele, a autora denuncia os diversos tipos de violência que muitas mulheres são obrigadas a suportar em silêncio e nas sombras da sociedade.



Minha opinião:

Muito difícil expressar com palavras tudo o que senti ao ler este livro: tristeza, nojo, revolta, medo. Muito... muito angustiante, é uma história assustadora.
Laura é uma jovem de 15 anos que foi sequestrada por um homem acima de qualquer suspeita, ela fica presa por mais de 4 anos dentro de um buraco, sem ao menos ver a luz do sol. Essa é a história dela, mas poderia ser a história de milhares de meninas e mulheres que são sequestradas e usadas como escravas sexuais. Neste diário, ela conta em detalhes, os horrores pelo qual passa sob o domínio de Estevão, um homem à quem ela apelidou de Ogro. E o que mais me deixou assustada é, que isso pode acontecer à nossa volta e ninguém de nós vê. Quantas vezes nos sentamos em lugares cheio de gente, sem saber o que cada um está passando ou vivendo? E quem sabe, com isso, com essa preocupação, poder ajudar o próximo que pode estar precisando apenas de um olhar? Mas, a quem queremos enganar? Ninguém se preocupa com nada além de si mesmo. Infelizmente a vida é assim. A gente deixa o medo nos cegar.
Quantas meninas por aí estão sendo humilhadas, destroçadas, torturadas? Me sinto muito triste, e meu coração também está destroçado. Quantos ogros estão por aí a abusar não só do corpo, mas também da mente, acabando com o psicológico e com a realidade dessas meninas?

Esta é uma história baseada em fatos, ideias, pensamentos e cenários reais. Que possamos dar a nossas filhas, irmãs, amigas e primas, que quer que seja, indicações do perigo que ronda as ruas, as estradas, espaços fechados, espaços vazios, alertando sempre para que, não aceitem nada de estranhos ou qualquer outro contato mais pessoal, mesmo que estejam demonstrando fragilidade, idade avançada, na companhia de crianças, mulheres, porque a gente nunca pode imaginar o que uma mente doentia é capaz. Este livro também deixa o aviso que o mal pode estar perto de quem jamais imaginamos.


Sobre a edição; ela é perfeita, tudo lindo. O corte das páginas são rosa e azul. Acho que é em homenagem a borboleta colorida citada na primeira página do livro. E como eu amo borboletas, ficou perfeita esta capa.


Indico este livro para quem gosta de histórias dramáticas e tristes, mas que são terrivelmente verdadeiras.




59 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Vi muitos comentários sobre esse livro, mas ainda não tive tempo e nem coragem para lê-lo.
    Assim como a sua resenha, as críticas foram bem positivas,mas vi gente que não gostou muito do final. Enfim, está na lista.
    Beijos!

    http://excentricagarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      É uma história pesada mesmo, mas necessário, pois é um tapa na nossa cara. E sobre o final, fiquei sabendo que terá um segundo livro, e eu já estou muito curiosa.
      Beijo.
      Cássia

      Excluir
  2. Eu amo os livros da Darkside, não apenas por serem maravilhosos com seus plots, e escrita mas eles se preocupam com tudo olha essa capa? Como não amar?

    ResponderExcluir
  3. Oi !
    Já vi alguns comentários sobre esse livro mas tenho um pouco de receio de ler... acho que por saber da realidade mais a fundo da um medo né ?!
    Gostei a resenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. A realidade é assustadora mesmo e talvez por este livro mostrar isso, a gente tenha receio, mas seria bom que todos o lessem. Precisamos está mais atentos às coisas a nosssa volta.

      Excluir
  4. Nunca tinha ouvido falar desse livro, mas parece ser bem triste e interessante ao mesmo tempo

    ResponderExcluir
  5. humm, esse livro parece ser mt pesado, n eh mt meu estilo pq eu me abalo forte c livros assim, o psicologico fica acabado e a ressaca literaria vem c ele kkkkk
    mas pelo o que vc disse ele parece ser otimo e o bom tapa na cara de realidade.
    a diagramação eh linda msm, essa capa e o lado dele, esta de tirar o folego

    perolasdelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Eu também não leio livros assim, mas este despertou muito a minha curiosidade e ainda mais por se tratar de casos reais. Precisamos está sempre alegria, pois a maldade às vezes vem de quem a gente menos espera.

      Excluir
  6. Não conhecia este livro, achei a edição bem bonita, mas acho que não daria conta de fazer a leitura dele. Acho essa temática ótima para levantar debate sobre a violência com mulher, mas para ler eu tenho muito psicológico.

    Blog Profano Feminino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. A edição e belíssima, a Darkside arrasa. Eu também não costumo ler livros assim, pois eles também mexem muito com meu psicológico e eu sofro muito, porém, Diário de uma escrava, eu tive que ler. E adoraria participar de um debate com ele.

      Excluir
  7. Oi, eu não conhecia o livro, mas ele parece ser uma leitura bem tensa, não é? Eu leria facilmente. Gosto muito de histórias que saem do lado ficcional e passam pro lado real, chocando o leitor e abrindo os nossos olhos pra certas coisas.

    www.porredelivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Sim, é bom quando saímos da nossa zona de conforto e vemos um pouco mais sobre a nossa realidade, às vezes é tão cruel.

      Excluir
  8. Eu tenho esse livro, mas como ele sai bastante da minha zona de conforto, acabo deixando ele para um outro momento. A edição é linda mesmo!
    Beijos
    Mari
    www.pequenosretalhos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia e se emocione com essas histórias que como você mesmo disse, sai totalmente da nossa zona de conforto, mas é necessária.

      Excluir
  9. Olá, li esse livro quando ele ainda estava no wattpad, e li novamente na edição linda da Darkside.
    É um assunto importante de ser comentando, para que possamos estar mais alertas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Um alerta para todos nós, e em especial a nós mulheres.

      Excluir
  10. Oi!!!! Tema difícil e infelizmente muito real. Admiro sua coragem por ler tal obra, não sei se eu conseguiria chegar ao final de uma leitura tão dolorosa.
    Bjoooo ❤

    www.blogpapelpapel.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Eu também ainda não acredito que o li, pois não costumo ler livros que mexem muito com meu psicológico, e este me deixou com o coração destroçado. Fiquei muito mal.
      Beijo
      Cássia

      Excluir
  11. Oi Cássia!
    Esse livro dividiu opiniões na blogosfera. Vi que muita gente gostou demais e que outros nem tanto. Apesar de achar a trama interessante, com um assunto que me chama atenção (e que é bem atual), não senti vontade de ler.
    A edição tá linda, o detalhe colorido das páginas mesmo é um arraso! DarkSide sempre arrasa!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Que pena que ele não despertou sua curiosidade, mas quem sabe, ele ainda não possa te conquistar, né?
      Beijos.

      Excluir
  12. Olá, Cássia!
    Parabéns pela resenha, ficou direta sem soltar nenhum spoiler.
    Morro de vontade de ler esse livro, principalmente depois de ver o engajamento da autora sobre o assunto. É um daqueles que criam mão e dão um belo de um tapa na cara da gente, né?

    E a edição está linda mesmo. Mas é darkside, né? nunca erram haha

    Abraço!
    http://lupiliteratus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,Fabio.
      Obrigada pelos elogios.
      A Darkside ê demais mesmo e sobre o livro, é intenso mesmo, mas uma leitura muito boa para abrir nossos olhos e ficarmos sempre atento.
      Beijo
      Cássia

      Excluir
  13. Me apaixonei por esse livro no momento em que vi que seria lançado, desde então cada vez que vejo uma resenha como a sua tenho mais vontade de ler! A resenha está incrível. Beijinhoss

    www.nathaliaorige.com

    ResponderExcluir
  14. Oi tudo bem? Já li algumas resenhas desse livro, a cada resenha lida aumenta minha vontade de ler o livro. Eu não achei aqui na minha cidade ainda. Tô na espera. Parabéns pelo blog. Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Célia!
      Quamfo lê-lo me conte o que achou. Eu sempre compro meus livros pela internet, pois sempre são mais em conta.
      Beijos

      Excluir
  15. Olá tudo bem?
    Adorei o livro,mais confesso que não conhecia o livro,mais fiquei interessada em ler,gostei muito da resenha,um beijo💋

    ResponderExcluir
  16. Estou louca para ler este livro, e tenho certeza que vou ter estas mesmas reações que você, principalmente o de revolta. Infelizmente estamos tão bloqueados pelo medo, que deixamos de notar o que acontece com as pessoas ao nosso redor.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      É verdade... infelizmente essa é a nossa triste realidade.
      Beijos

      Excluir
  17. Eu tenho medo de ler este livro, mesmo sabendo que é uma leitura importante. Um assunto tão delicado que parece que ficou lá atrás, né? Mas que está cada vez mais presente =/
    Adorei sua crítica e preciso dar uma chance para essa leitura logo

    Beijos

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  18. Oi
    Este livro estava em minha meta de leitura, mas uma conhecida que entende muito de meu estilo literário, fez umas ponderações sobre ele que me incomodou, não li, mas o que ela disse me deixou pé atrás, então, não compraria, mas se alguém me emprestasse, leria.

    ResponderExcluir
  19. Tema de que é preciso se falar diariamente. Serve como alerta e também pra gente ter mais empatia e lutar por quem sofre com essa violência! Ótima resenha, assim que puder lerei com certeza!

    ResponderExcluir
  20. Oi.
    Tenho enorme interesse nesse livro desdo o lançamento porque adoro uma história baseada em fatos reais, mesmo sendo uma história difícil e revoltante preciso conhecer.
    Até mais!!
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  21. Grandes reflexões de vida sobre o livro... não sabia que ele era tão forte assim. Aborda um tema super comum de acontecer, e muito aterrorizante mesmo. Gostei da sua resenha!

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Comprei o livro o mês passado mas ainda não consegui ler por conta de livros de parceria e no mais quero ler com calma pq já sei que o assunto não é leve. Só tenho ouvido crítica positiva e gostei de saber da sua opinião!
    Bjs

    ResponderExcluir
  23. Olá! Não conheço a obra, mas me pareceu ser muito boa! Fiquei bem curiosa para ler. Vou tentar fazê-lo em breve. Beijos

    www.brincandodeolivia.com

    ResponderExcluir
  24. Oiee, estou bem curiosa para ler esse livro, o tema é muito tenso, mas ainda assim nos instiga a querer conhecer a obra!

    Bjs

    ResponderExcluir
  25. Oooi, tudo bem?
    Não conhecia o livro mais a premissa me deixou bem interessada, embora tenha achado um pouco triste, não sei se compraria, mas caso ganhasse ou alguém me emprestasse lerei sem problemas algum!
    beijos

    ResponderExcluir
  26. Olá! Eu não tenho coragem para ler o livro, sabe, uso a literatura como uma fuga de tudo. Assuntos assim, infelizmente, estão todos os dias nos documentários. Vejo cada notícia que não dói apenas o coração, mas sim a alma. Sempre, sempre temos que ser atentos a tudo. Ensinar nossos filhos a desconfiar até da própria sombra. Já li outros texto da Rô, ela tem uma escrita impressionante, tenho certeza que é livro intenso e forte. O trabalho gráfico da DarkSide é lindo, está uma obra de arte! Beijos!

    ResponderExcluir
  27. ótima resenha! Não é muito minha praia livros tristes, mas temos que ler de tudo para ficar bem informada! Abraços!

    ResponderExcluir
  28. Olá, sempre que ouço falar desse livro sinto uma angustia pela história. Saber que é baseada em uma história real já faz com a história se torne mais pesada e mais difícil de ler. Acredito que seja uma boa oportunidade para nos alertar sobre esse tipo de perigo que pode estar em qualquer lugar, até na nossa casa. Gosto do tipo de história e vou tentar ler. Bjs

    ResponderExcluir
  29. Oi, esse livro tem uma edição maravilhosa, tenho muita vontade de ler, mas juro que me falta coragem, por saber que essa história pode estar acontecendo não só uma vez, mas quem sabe várias ao nosso redor, acho que vai mexer muito comigo, acho que não é um momento bom para ler essa história, mas ele está na minha lista, adorei sua resenha. Bjs

    ResponderExcluir
  30. Oii, tudo bem?
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler esse livro mas fiquei sabendo que ele é um tapa na cara. Todas as resenhas que eu li falaram o quanto é triste angustiante tudo o que a menina passa, e pensar que isso não é ficção e acontece todos os dias me deixa muito triste.

    ResponderExcluir
  31. Olá, tudo bem?
    Eu adorei a sua resenha, eu confesso que essa leitura foi um pouco perturbadora, e acabei tendo pesadelos.
    Mas é um livro muito necessário!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  32. Olá, eu tenho lido muitas resenhas positivas sobre esse livro e apesar de ele parecer ser um tanto pesado fiquei mega curiosa para lê-lo. Dica anotada *-*

    ResponderExcluir
  33. Oi! Apesar dos ótimos comentários e excelente divulgação da obra não fiquei com muita vontade de ler, justamente pelo conteúdo perturbador e tenso que ele aborda. É um livro que deve ser lido, mas no momento acho que não estou preparada. Creio que ia ficar com depressão (rsrs)

    ResponderExcluir
  34. Tenho esse livro, mas provavelmente não vou ler por motivos de: bem pesado, não tô com estrutura psicológica pra essa Leitura.
    www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  35. Não me cano de babar pelos livros da Darkside <3

    ResponderExcluir
  36. Se o livro fosse só dramático e triste eu até gostaria de ler, mas só pelo nojo e revolta que eu sentiria, e por ele ser assustador por aparentemente mostrar o pior do ser humanos, prefiro não passar perto. Essas histórias muito dolorosas baseadas em fatos que realmente aconteceram acabam comigo.

    ResponderExcluir
  37. Oie
    eu quero esse livro para ontem, amo esse tipo de história e espero muito poder gostar e amar cada página pois vi tantos elogios que já esta na lista de mais desejados

    beijos
    https://www.youtube.com/watch?v=bmeenBGrWNw

    ResponderExcluir
  38. Oie,
    Já faz um tempão que estou louca pra ler esse livro. A edição é maravilhosa e a história me parece ser muito boa, apesar se ser um misto de sentimentos. Gostei muito da sua resenha e fiquei com mais vontade ainda de ler.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  39. Oi, tudo bem?
    Já tem um tempinho que estou desejando este livro, tanto pela história quanto pela edição e além de tudo é um nacional! Acompanho a autora à alguns anos e ela é bem adorável, gosto muito, espero logo ter oportunidade para ler este livro, porque de certo fato tenho certeza que será bastante proveitosa.

    Beijos,
    http://www.justificou.tk/

    ResponderExcluir
  40. Oi, tudo bem?
    Eu sou muito sensível, e li em uma resenha que algumas cenas davam até asco. E a leitura era pesada. Por esse motivo, acho que não me sentiria bem em ler. Mas concordo com a mensagem que o livro passa, sabe, mulheres precisam ser alertadas!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. Olá, tudo bem?
    Não acho que teria estrutura emocional para este livro, parece ser aquele tipo de livro que nos deixa com uma bela ressaca literária e repensando várias coisas do nosso dia a dia.
    Amei a sua resenha, imagino o quanto deve ter sido difícil lê-lo.
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  42. Eu to bem curiosa com esse livro sabe? vi uma amiga comentando sobre o quanto ele é bom e ficou instigada a ler.

    ResponderExcluir
  43. livros com historias de escravidão são sempre triste!! É muito ruim ver pessoas sendo obrigada a fazer esse tipo pratico, isso tbm me inoja muitoo, fiquei interessada muito interessada em ler o livro porque pelo que eu percebi ele nos faz refletir muito sobre o assunto...
    Bjss

    www.pessoafashion.blogspot.com

    ResponderExcluir